início > links Ano XXII - 27 de outubro de 2020



AVISO:
Pedimos desculpas pela instabilidade! Informamos que o servidor está "on-line" todo o tempo, porém, estamos com ocorrência de erro no registro do Certificado de Segurança Criptográfica (SSL). Nada que coloque em risco a navegabilidade ou a segurança dos usuários e visitantes. O problema ocorre por culpa exclusiva do serviço de datacenter gerido pela empresa LOCAWEB SERVIÇOS DE INTERNET S.A. Há a observação de problemas técnicos na gestão dos servidores dedicados que contratamos. Estamos em cima deles para uma solução rápida ainda neste dia. No retorno ao "website", caso ocorra a janela de "AVISO", clique no botão "AVANÇADO" e depois no link "Ir para 'http://www.cosif.com.br/' (não seguro)". Agradecemos vossa compreensão.

QR - Mobile Link
DIREITOS TRABALHISTAS

DIREITOS TRABALHISTAS

EMPRESARIADO QUER A PAULATINA IMPLANTAÇÃO DUM REGIME ESCRAVOCRATA

Referências: Custo Brasil, Planejamento Tributário, Carga Tributária, Trabalho Escravo, Reforma Trabalhista, Direitos do Trabalhador, Capitalismo Selvagem, Cooperativas de Trabalho, Terceirização: Empresas Prestadoras de Serviços de Profissionais Liberais e Autônomos (Free-Lance)

Direitos do Trabalhador: Redução da Jornada de Trabalho
Programa Canal Livre da Rede Bandeirantes de Televisão

José Pastore, sociólogo e professor da USP, e o deputado Vicente Paulo da Silva,
discutem os maiores desafios para as empresas em relação a seus trabalhadores
e a importância de uma reforma trabalhista.

Nos vídeos não publicados pela BAND era possível observar que
o representante do empresariado é contrário à redução da jornada de trabalho
porque "ela vai reduzir a produtividade",
sem considerar que o trabalhador descansado produz melhor.

Por sua vez, Sindicalista Vicentinho, representante dos trabalhadores,
mencionou que a Volkswagem na década de 1980
tinha mais de 40 mil trabalhadores no Brasil e que agora,
com apenas 15 mil, produz mais que dobro do que produzia naquela época.
Ou seja, a produtividade aumentou enormemente
sem que os trabalhadores fossem recompensados
com a redução da carga horária de trabalho.

No restante do vídeo não publicado pela BAND era possível observar também
o comentário do Deputado Vicentinho sobre a pretensão
do representante do empresariado que defendia a implantação no Brasil
de um sistema sem direitos trabalhistas, semelhante ao existente na China.

Veja os textos sobre: